Cirurgia Lasik: to do or not to do? Experiência pessoal!

quinta-feira, agosto 06, 2015

     Quantos de nós já nos irritámos por ter os óculos embaciados, sujos, ou sempre a escorregar pelo nariz abaixo? Querem soluções? Temos duas: lentes de contacto ou, se a oportunidade surgir, fazer uma operação à vista!
     Não interessa qual o teu problema ocular. Procura informar-te, junto de um especialista, sobre o teu problema, para saber quais os riscos e hipóteses de sucesso ao recorrer a uma cirurgia. Uma das cirurgias mais populares é a Lasik - cirurgia a laser praticada naqueles que desenvolveram miopia, por exemplo. Ora, eu (Ele) já me submeti a esta cirurgia e vou-vos falar da minha experiência pessoal, mas também falar-vos das vantagens e desvantagens da cirurgia.

     Eu fui operado na ALM Oftalmolaser localizada junto à Fundação Calouste Gulbenkian. A clínica é privada e só foi possível fazer a cirurgia graças às várias parcerias que a clínica tem, entre elas a ADSE e outras, que facilmente descobrem no site, aqui. É também possível, claro, recorrer aos especialistas do sector público, mas devem ter em mente que ficam 3 ou 4 anos em lista de espera.
Sala de operações da clínica.
     O meu caso acabou por se tornar no melhor cenário possível: visão a 100%. Mas antes pesei muito bem as vantagens e desvantagens, porque muito honestamente, o medo era muito! Mas afinal o que tem uma pessoa a temer quando pensa numa operação do género?

Vantagens:
  • Efectivamente deixar de usar óculos ou lentes de contacto. 
  • No melhor dos casos, visão a 100%.
Desvantagens:
  • A partir dos 40 anos deverá ser necessário recorrer de novo a óculos para ver ao perto. A verdade é que 100% das pessoas voltam a usar óculos e é o que me acontecerá. 
  • Não é uma intervenção definitiva e se vos transmitirem essa ideia, rejeitem-na. Muito raramente algo é definitivo, embora nuns casos possa demorar mais tempo do que o expectável.
  • A córnea, que é a parte intervencionada, fica mais fina e frágil, pelo que existem possibilidades de futuras intervenções cirúrgicas bem sucedidas poderem ser mais baixas. 
  • Em muitos casos vão sentir os olhos secos mais frequentemente do que sentiriam, mas nada de problemático. 
  • Exige um acompanhamento médico constante, acompanhado de exames não muito acessíveis aos bolsos, caso não tenha acordo com a ADSE, por exemplo.
       Eu li muito antes de realizar a minha operação. À primeira vista, ter mais aspectos nas desvantagens do que nas vantagens pode ser notório, mas a verdade é que, tal como tudo na vida, deve ser muito ponderado a cada alínea. Para já só tenho coisas boas a falar deste procedimento, bem como da forma como tenho sido acompanhado e tratado. Sim, podemos dizer que as consequências a longo prazo ainda não são conhecidas e que desta forma se deixa espaço a uma certa hesitação. Nunca me esconderam que teria de voltar a usar óculos e não me incomodou porque, de momento, e durante largos anos, não os usarei. Quase todos nós teríamos de recorrer a óculos a uma certa altura da nossa vida e portanto essa não é uma preocupação que devem ter!
Ora e aqui está a bela da foto da praxe!
O que vêem na cara é a ferramenta de dormir que usamos para
proteger a vista enquanto esta recupera :)
( Não liguem ao belo do penteado de dormir com que estava!!)
       Recorram a um médico creditado, com historial de sucesso elevado e íntegro, para que possam esclarecer as vossas dúvidas de forma clara, bem como perceber as hipóteses de sucesso da mesma. Eu não podia estar mais satisfeito e não sinto qualquer efeito negativo ou secundário.


     Nota: Se procurarem este assunto na Internet facilmente descobrem variadas perspectivas sobre este assunto. Queria somente deixar o alerta para descrições mais pessimistas, onde alguns sites alertam para que possam "passar a ter uma vida miserável e perder a alegria de viver...". Primeiro, não acredito que os invisuais sejam miseráveis, por isso não valia a pena seguir este caminho discursivo. Demais adianto que se se remetem a especialistas, os mesmos informam que existe a possibilidade de ficarem a ver pior do que o que viam antes da cirurgia. Devem estar conscientes dos riscos com base no que o vosso médico vos disser. Devem ponderar todos os prós e contras, mas não se deixar intimidar somente pelas perspectivas mais destrutivas desta opção.


      Mas sabem que mais? Eu (Ela) uso óculos. Se antes não gostava muito da ideia de os usar, pois não tinha uns óculos adequados ao meu estilo actual, agora, depois da surpresa da Óptica Machado e do Ele (que podes relembrar aqui e aqui), adoro! Acho mesmo que existem um tipo de óculos para cada pessoa. Acredito que senão gostas de os usar é porque... não tens os óculos ideais para ti! Acredito que tenha sido esse o motivo primordial para o Ele fazer esta operação. Se também tu estás com vontade de a fazer, não te esqueças de ter em mente que existe sempre a possibilidade de encontrares "o tal"... Os amores para a vida são demasiado difíceis de encontrar. Muito raros até! Mas tudo depende de ti... ahah


Sabe mais sobre a Óptica Machado (aqui).

*O blogue Ela e Ele, Ele e Ela conta com o patrocínio da Óptica Machado, Conselheiros da Visão.
Demais adiantamos que a presente publicação não teve qualquer patrocínio da ALM Oftalmolaser.
Image and video hosting by TinyPic

2 comentários

  1. Olá aos dois! :-)

    Há várias pessoas na minha família que fizeram essa cirurgia.
    Por exemplo: o meu Pai que sempre que me lembro usou óculos e sem eles não conseguia fazer nada, foi operado há cerca de 20 anos e hoje usa os óculos de ver ao perto quando lê um livro, ou coloca-os para ver qualquer coisa no momento, mas não anda sempre com eles. E ao longe vê que é uma maravilha!
    A minha cunhada não teve tanto sucesso, e passado uns anos voltou a usar óculos.
    Eu acho que isso é como em tudo, depende do organismo, cada um reage de maneira diferente.
    Desejo profundamente que corra muiiiiiito bem e que seja um sucesso!

    Quanto à vossa fotografia o que dizer?
    Eu acho-vos um queridos sem igual!
    Pronto é isto!
    Agora vou indo!
    Beijinhos
    http://ofabulosodestinodemariaamelia.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Amélie! A nossa Amélie...
      Sim, nós concordamos a 200% contigo. Tudo na vida é um risco e o que é para não, pode não ser para outro. Por isso mesmo todos devem ter em conta cada pró e cada contra, pois cada caso é um caso.
      Muito obrigado pelo comentário e pela simpatia de sempre!!

      Um grande beijinho,

      - Ela e Ele.

      Eliminar

Obrigado pelo comentário! Vamos responder-te no mais breve espaço de tempo que nos for possível. Até sempre! :)

Latest Instagrams

© Ela e ele... Ele e ela.... Design by FCD.