Viagem aos anos '90... Quem nasceu em '92 lembra-se de tudo isto. São memórias de infância!

segunda-feira, abril 04, 2016

       Hoje a publicação é saudosista e foi escrita particularmente para quem nasceu no início dos anos '90, como nós. Começámos a pensar e realmente... Antes diziam-nos "nasceste nos anos '90, ainda és uma criança", "não chegaste a ver isto ou aquilo, porque és muito novo/a". Mas, de repente, demos por nós a ser 'os mais crescidos'. Neste momento quem nasceu no início dos anos noventa já tem mais de vinte anos, alguns até já filhos têm! Isto fez-nos sentir aquela bela sensação de que a vida passa num ápice e que estamos a ficar velhos. Para não sentirmos tanto isso, e deprimirmos, decidimos recordar o melhor das nossas infâncias e brincar com uma viagem ao passado, nesta publicação. Viajam connosco?
A viagem está prestes a começar...
É já no próximo pestanejar! E sempre a aparvalhar... Connosco é assim! Divirtam-se!!
       Eis que retornámos ao ano de 1992, numa viagem ao passado. Mas claro que nesta altura temos que vos alertar para algo do presente. A camisola é da Pura (que podem conhecer aqui) e foi essa mesma camisola que nos deu outra motivação ainda para esta publicação. Tem uma cor garrida e a combinação é diferente do usual, ou não fosse ela uma personalização à nossa escolha. Mas claro que, para nós, fans assumidíssississimos da saga Harry Potter, seria impensável não dar o devido ênfase a uma altura em que surgem os primeiros livros e filmes que nos apaixonaram e continuam a apaixonar. Por isso enquanto eu (Ele) assumo o ano, eu (Ela) vou vestir a saga!! 

A camisola foi comprada na Primark.
       Poucos serão os que nasceram no início desta década e não o fizeram acompanhados da Saga Harry Potter, sonhando com a eventual chegada de uma carta para Hogwarts. Nós fazemos claramente parte do oposto. Sonhámos vezes sem conta que éramos nós a embarcar nas viagens de fantasia e ainda hoje vibramos com cada filme ou com cada linha de um dos livros. Foi sem dúvida algo que marcou a nossa infância, pelo que não poderíamos deixar de dar um forte e grande destaque. Mas. como há muito a referir sobre algo que nos marcou a infância de forma a quase podermos dizer que nos muda o presente, falaremos posteriormente deste assunto de forma mais detalhada. Falemos então de reais objectos que marcaram a nossa infância: 


Créditos das Imagens: Aqui e Aqui
       Quem não se lembra de ter um tamagotchi? Foi, de tal forma, algo marcante que ainda hoje se vendem brinquedos a imitar os originais em supermercados ou nas conhecidas lojas dos chineses. Quem não se lembra de deixar morrer à fome os seus bichinhos virtuais? Não é bonito, mas a verdade é que nos aconteceu vezes sem conta...


Créditos de Imagem: Aqui.
       Eu (Ela) lembro-me perfeitamente de quando recebi o meu furby. Foi das prendas de natal que mais me marcou. Foi o meu padrinho de baptizado que mo ofereceu. Lembro-me de desembrulhar a prenda e de gritar para a minha mãe ver que eu tinha um furby. Foi, muito possivelmente, a prenda que mais gostei de receber. Foi uma explosão de emoções sem igual. Adorava este brinquedo! Ele falava comigo. Claro que não eram frases programadas. Claaaaro que não. Isso eram os outros furbys. O meu falava mesmo comigo de espontânea vontade! 

Créditos de Imagem: Aqui.
        O push pop não é um brinquedo, é certo. Mas era um dos doces preferidos da nossa geração ou alguém se atreve a dizer que não? Um chupa que podíamos guardar e comer quando nos apetecesse?! Isto era divinal! Uma ideia de génio!

Créditos das Imagens: Aqui e Aqui.
       Quem é que não se lembra de jogar tetris e outros jogos semelhantes nestas pequenas consolas baratas "Brick Game"? Eu (Ela) posso dizer que tive dezenas delas. Estava constantemente a perdê-las e, verdade seja dita, que acabavam por custar quase o mesmo as novas ou pilhas para fazer funcionar as mais antigas... 

Créditos da Imagem: Aqui.
       Eu (Ele) acho que sempre fui um miúdo que saiu barato aos pais, mas nisto sempre fui mais caro. Mas poupado! É que ainda hoje tenho o meu game boy. Sim, é certo que é bem mais caro que as consolas de tetris e tinham muito mais jogos, também eles mais caros, mas ainda hoje posso jogar, se me apetecer.

Créditos das imagens: Aqui, Aqui & Aqui.

       É certo que uns brinquedos são mais nojentos que outros. No entanto, pelo meio não há como não recordar os pega monstro da Matutano. Quem nunca teve? Vá, não se acanhem em admitir... Na altura era do melhor!

Créditos da Imagem: Aqui.
       Já que falamos do material oferecido nas batatas fritas, há um assunto que não pode escapar: Tazos!! Era uma colecção que não parecia que algum dia fosse ter fim. Havia uma troca entre colegas da escola e era uma linha sem fim... que nos marcou a memória das nossas infâncias!

Créditos da Imagem: Aqui.
       Admitimos que não nos lembramos da imagem que usavam, mas recordamo-nos perfeitamente de comer os famosos cigarros de chocolate. Hoje em dia conseguimos perceber a hesitação dos nossos pais em oferecerem-nos tais goluseimas. Até nos colocamos a pensar como é que alguém se lembra de uma proposta destas... Ainda assim, os chocolates eram bem bons!

Créditos da Imagem: Aqui
       Contudo, há que admitir que os melhores momentos eram passados na rua. Os hulla hoops para as meninas, eram algo tão típico quanto saltar à corda. Eu (Ela) tive inclusive a sorte de poder brincar com as minhas bonecas na rua. Montava as casas e ia mesmo para o meio da rua brincar, fosse sozinha ou acompanhada.

Créditos da Imagem: Aqui.
       Temos muito orgulho no facto de pudermos ter tido a oportunidade de aproveitar as ruas para as nossas brincadeiras de infância. Eu (Ele) fartei-me de jogar futebol. Não eram precisas balizas ou campos de futebol precisos. Bastava ter uma bola e companhia. Nem precisava conhecer os colegas de equipa ou adversários, porque para uma criança é tudo mais simples e natural!


Poderíamos aumentar a lista em 100% ou mais, mas preferimos resumir ao que nos pareceu mais importante, mas gostaríamos de saber se achas de falta algo à nossa lista. Aproveitem a caixa de comentários para nos reavivar a memória, está bem?


P.S. - A camisola que eu (Ele) uso nesta publicação vai ser o mote para outras publicações. Devemos dar valor ao que de melhor se faz no nosso país e é por isso mesmo que vos convidamos a conhecer a loja online Pura (aqui), que vos iremos apresentar numa próxima publicação!
Image and video hosting by TinyPic

19 comentários

  1. Ó meu Deus, que nostalgia! Impossível não me lembrar de tudo aquilo que falaram aqui, ou não tivesse também eu nascido em 1992 :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi a melhor colheita, esse ano! ahah
      Traz uma nostalgia que quase dói... Mas sabe bem recordar os melhores momentos!

      Eliminar
  2. Harry Potter, Game Boy e cigarros de chocolate! ❤️ Meu Deus! Que época boa a nossa! Ahhh, esqueceram-se dos melhores desenhos animados de sempre: Dragon Ball e Navegantes da Lua! :) Morangos com Açúcar também (quando ainda era morangos!); Malhacao...e os melhores filmes de animação de todos os tempos: Rei Leão e Companhia ❤️ Agora bateu a saudade! :') eu sou de 91! Beijinhos, excelente post (como sempre!) :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso já foi caso para o baú de outras publicações. Mas não te preocupes que nós somos daquele tipo de pessoas que adora recordar o melhor que já vivemos, por isso voltaremos a esses assuntos. Hoje foi mesmo mais direccionado a objectos.
      91, 92... É quase o mesmo! :P
      Muito obrigado pela tua querida simpatia, nossa pinkie! :D

      Eliminar
  3. Faltou aí o messenger...
    (eu nasci em 76 :( )

    ResponderEliminar
  4. Não sou dos Anos 90 (84) mas passei por isso tudo!! Sou do tempo do Walkman, e da "primeira internet" (aquela que fazia muito barulho!!), do chat mirc! Que saudades!!..as crianças de hoje não sabem o quanto a vida era boa há uns anitos atrás!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamenteeeeeeee! Nós também somos do tempo disso tudo. Não foram anos que fizessem grande diferença. Hoje em dia associa-se o Mirc logo a tráfico de órgãos, mas na altura era muito engraçado e servia de brincadeira. O Walkman era super leve... Porque desconhecíamos o que viria a ser o Mp4 e afins. Era tudo tããão bom...

      Eliminar
  5. Acho que vou ali cortar os pulsos... :D:D
    Não nasci na década de 90 e pronto mais não digo! ;)

    Beijinhos!
    http://www.ofabulosodestinodemariaamelia.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah Nem do tempo do mirc? Nem das primeiras consolas? ahah

      Eliminar
  6. Eu nasci em 96 mas a minha infância teve disto tudo! Ai que saudades do meu GameBoy Color Azul ... Adorava os pega monstro! Antes éramos crianças, agora são adultos em miniatura.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nós não estamos preparados para ser adultos... Por isso vamos dar o nosso melhor com a criança que vive dentro de cada um de nós ahah

      Eliminar
  7. Tamagotchis e tazzos, saudades eternas! Nasci em 93
    http://toobege.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  8. oh meu deus, que saudades da infância! lembro-me de TUDO isso, não fosse eu de 92 também! :D
    e há uma gulodice que me faz ficar muito nostálgica: uns doces de açúcar com forma de comprimido, espinha de peixe e outros, que se vendiam nos cafés em "caixotes do lixo" de plástico e pequenos. lembram-se disso? já não me lembro como se chamavam!

    18 and a life

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o ano da melhor colheita, Sara!! :D
      Siiiiiiiim!!! Mas também já não nos lembramos do nome... Isto para os nomes tivemos que contar com a ajuda da internet, em alguns casos.

      Eliminar
  9. de repente me bateu uma saudade, os pirulitos, mini game e tazos *-*

    nadafessoal.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há nada como ter uma fantástica memória da nossa infância! :)

      Eliminar

Obrigado pelo comentário! Vamos responder-te no mais breve espaço de tempo que nos for possível. Até sempre! :)

Latest Instagrams

© Ela e ele... Ele e ela.... Design by FCD.