Sushi Mish Mish, na Malveira

quinta-feira, maio 10, 2018
       O Mish Mish é um dos mais afamados restaurantes de sushi de que já ouvimos falar. Fica na Malveira e a entrada é um local muito cor-de-rosinha, muito elegante. Um excelente local para celebrar uma ocasião especial, mas também para ir com amigos, já que é em conta, come-se o que se quiser em modo à la carte, e as peças são em formato de degustação, o que permite que possam experimentar um pouco de cada. Ah! E muito importante, é um restaurante com comida japonesa, mas que dá para todos os gostos e filosofias...


       Foi engraçado que o treinador principal das equipas que eu (Pedro) treino já me tinha recomendado este restaurante e eu pensei logo em testar a 'vegetarianice' da Telma, levando-a a um restaurante de sushi que a colocaria à prova. Assim, quando decidimos ir visitar as pastelarias Fradinho e Pólo Norte, em Mafra, disse-lhe que iria testar os seus limites. Ela aceitou e até achou graça. Até que olhou para trás e viu que estavamos a estacionar o carro junto a um restaurante de sushi...
       Há coincidências muito engraçadas. Pelo caminho, dissemos onde íamos na nossa conta de instagram e uma colega de trabalho recomendou que fossemos a este sushi. Inocente, eu disse que gostava de ir, mas ainda era muito cedo para testar a minha capacidade de resistir ao sushi e que agora era vegetariana... Enfim, é uma questão complicada. Isto sem eu saber que o Pedro já tinha planeado me levar lá.

        Para início a escolha foi simples: uma sopa misú para ambos. É das nossas sopas favoritas. Adoramos mesmo. Pedimos sempre que temos possibilidade. A escolha difícil vinha a seguir. Eu (Pedro) não consigo experimentar sushi. Eu (Telma) tinha que escolher peças de sushi sem peixe. Enfim, uma total aventura. Como correu? É o que estamos prestes a contar-vos!

       Eu (Pedro) experimentei pela primeira vez as guiosas. Admito que não as queria provar e que foi ela quem me convenceu a pedir. Não tinham o aspecto mais interessante do mundo... Mas em sabor contrariam a sua figura. Gostei bastante e hei-de repetir! A par disso pedi massa, e um conjunto de variados pratos de carne. Inclusive têm a opção de construir um prato de carnes e camarões para grelhar, num prato elaborado por nós. Nesta refeição o mais difícil mesmo foi comer com pauzinhos... É que nem com elásticos e outros ajustes que tais a situação estava a correr bem. É mesmo muito difícil! Oooh tarefa árdua! No final correu bem e gostei bastante. Mas não, continuo a ser do grupo dos talheres e nada de pauzinhos...

        Eu (Telma) fui mesmo testar os meus limites. Já não há nada que me custe em ser, seguindo o rótulo imposto pela sociedade, ovo-lacto-vegetariana... a não ser sushi! Sushi é mesmo o que me impede de deixar de comer animais. É uma vontade minha. Uma escolha que quero para a minha vida. A questão então impõe-se: Acham que me rendi ao sushi ou que me perdi?

       Admito que gostei bastante do facto de haver várias opções para vegetarianos, e comecei por pedir várias variedades sem peixe... Comecei a seguir o que racionalmente queria seguir. Só que acontece que estava a dar por mim a salivar com os pratos que iam passando. Havia peças de sushi que pegavam fogo e assim iam para a mesa. Não consegui resistir. Dei por mim a constatar que o Pedro tinha razão, bem como a minha colega: não consegui resistir a sushi. É mesmo a única coisa que me é difícil de resistir.

        O Pedro diz-me para abrir uma excepção e fazer uma refeição por mês de sushi com peixe. Não fará assim tanta diferença no mundo dos peixe, diz-me ele. Eu (Telma) não me importo nada com os rótulos. Importo-me no que quero atingir. Preferia deixar de comer carne e peixe... Mas de facto tenho que admitir que sou muito, muito feliz com sushi sem limites na minha vida. Ooooh questões difíceis. Oooh filosofias de vida difíceis... Enfim, um dia de cada vez. O certo é que estava divino!

       Posto isto, temos a referir que adorámos e que tencionamos lá voltar. Recomendamos vivamente que experimentem. Os pratos vêm em quantidades de degustação e podem repetir as vezes que quiserem, dando oportunidade de experimentar o que quiserem. Podem pedir somente 5 pratos por pessoa, para que não sobrem restos de comida que posteriormente serão pagos, com o intuito de que não se desperdice comida. O atendimento é rápido e prestável. O ambiente é acolhedor e de facto muito caracteristicamente cor-de-rosa. Tudo características que ajudam a que o Mish Mish seja dos mais famosos restaurantes japoneses dos arredores de Lisboa.

Já alguém conhece este estabelecimento?
Alguém tem este dilema com a comida?


Localização, contactos e horários:
Morada:
Rua das Queimadas, 1 (ver no mapa)
Malveira, Lisboa, Portugal

Contactos:
[email protected]   |   (+351) 21 966 0764
www.sushimishmish.pt

Horários:
Aberto de quarta-feira a sábado, das 12h às 14.30h para o almoço e das 19.30 às 22.30h para o jantar.
Fechado Domingo, Segunda e Terça-feira.

4 comentários

  1. Acredita que nunca me deu para ir comer algo assim, mas posso dizer que já ouvi falar bastante bem, mas gostei de saber um pouco mais a vossa opinião não conhecia esse lugar
    Beijinhos
    Novo post (?Review Creme Corporal) // CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens que experimentar. Arrisca. O que de pior pode acontecer? Podes gostar... E viciar-te... É mesmo o pior! ahah

      Eliminar
  2. E eu que nunca provei sushi? :o
    Tem tudo um aspeto maravilhoso!

    r: O Jardim está mesmo incrível *-*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens que experimentar. Força nisso que vais gostar!

      Eliminar

Obrigado pelo comentário! Vamos responder-te no mais breve espaço de tempo que nos for possível. Um bem-haja! :)